▸ Agenda Cultural ▸ Artigos ▸ Carnaval ▸ Celebridades ▸ Cotidiano ▸ Cultura ▸ Destaques ▸ Economia ▸ Educação ▸ Entretenimento ▸ Esporte ▸ Eventos Sociais ▸ Festival Folclórico de Parintins ▸ Internacional ▸ Justiça ▸ Lazer ▸ Meio Ambiente ▸ Nutrição ▸ Odontologia ▸ Polícia ▸ Política ▸ Religião ▸ Saúde ▸ Tecnologia ▸ TRANSPORTES ▸ Turismo

Notícias
Compartilhar Imprimir

Esporte | AMAZONENSE DE FUTEBOL | 11/02/2019 | 08:45 | Por: Portal Flagrante

Naça vence Sul América por 2 a 0 no Estádio Zamith

 O Nacional Futebol Clube venceu o Sul América por 2 a 0, no estádio Carlos Zamith, na tarde deste domingo (10), em partida válida pela segunda rodada do Campeonato Amazonense. Romarinho e Paulinho marcaram e deram três pontos para o Leão, que assume a 4º colocação na tabela. No início do jogo foi marcado um minuto de silêncio pela tragédia ocorrida no CT do Flamengo.

 
O Naça volta a campo no próximo sábado (16), às 18h, no estádio Ismael Benigno, a Colina, onde encara o Manaus FC.
 
O jogo
 
O técnico do Naça Aderbal Lana afirma que a equipe azulina está em evolução e provou isso neste jogo. Mesmo com o Sul América pressionando, aos 4 minutos Rogério avança pela direita e cruza para Magno que bate, mas ela vai sobre o gol, o Leão foi para cima.
 
Aos 9 minutos Fernando recebe de Bernardo que carrega a bola pela lateral, a marcação aperta e Ray fica com a sobra que bate direto para o gol, o goleiro defende, no rebote Ray chuta novamente, mas ela vai por cima.
 
O time se movimentava bem, usando todas as partes do campo. O Sul América tentava apertar a saída de bola do Naça, mas o meio sempre bem posicionado conseguir chegar ao campo de ataque.
 
O zagueiro Deurick arriscou de longe, mas ela é desviada e sai pela lateral. Em seguida, aos 20 minutos, Romarinho também decidiu tentar, mas desta vez ela entrou. Ele bateu de fora da área, o goleiro de estica todo, mas não consegue chegar. Sul América 0 x 1 Nacional.
 
O Sul América ameaçou aos 35 minutos, cruzamento pela esquerda, Ramon se livra da marcação e fica sozinho, ele chuta, mas André atento sai bem e fica com ela.
 
Próximo do fim do primeiro tempo, o Naça ainda teve uma grande chance para ampliar o resultado, Aos 40 min, Guilherme toca para Romarinho que dribla o goleiro, mas na hora de chutar a marcação chega e consegue interceptar o atacante azulino.
 
Segundo tempo
 
Na volta do intervalo, Lana mexe no time, sai Léo Mineiro e entra Jonas. O time ganha mais velocidade, mas aos 3 minutos, Paulinho foi dividir a bola de cabeça com Renan e levou a pior, acabou sofrendo um corte na orelha que foi controlado e ele retornou ao gramado usando uma toca. Aos 6 minutos, o próprio Paulinho arrisca de fora da área, a zaga tira e ela sai pela lateral.
 
Em seguida, substituição no time azulino, sai Fernando e entra Felipe.
 
Aos 19 minutos, Jonas inicia a jogada no meio de campo, ele tabela com Romarinho Paulinho e Alisson que devolve para ele. Jonas vai na linha de fundo, vê Paulinho chegando de trás e dá um leve toque, o camisa 8 do Naça bate de primeira e deixa ela lá dentro. Sul América 0 x 2 Nacional.
 
Susto para a torcida nacionalina, aos 31 minutos, Herrisson recebe um cruzamento e manda a bola para o gol, mas a arbitragem marcou impedimento. Aos 33 foi a vez do Nacional mostrar sua força. Guilherme avança pela lateral e acha o zagueiro Deurick dentro da área que cabeceia, mas ela vai para fora. Jonas também recebe de Romarinho e manda ela para fora.
 
Lana faz a última substituição no time, sai Alisson e entra Victor.
 
Aos 43 minutos, o goleiro do Naça, André Regly opera milagre e salva o que seria o gol do Sul América.
 
O Naça ainda tentou aplicar o terceiro gol, aos 47 minutos, Guilherme recebe e toca para Ray que entra Romarinho, o atacante bate, mas o goleiro Darlan salva.
 
Fim de jogo: Sul América 0 x 2 Nacional FC.
 
Fica técnica
 
NACIONAL FUTEBOL CLUBE: Técnico: Aderbal Lana.
 
 
 
André Regly, Bernardo, Jordan, Deurick, Álisson (Victor), Guilherme, Fernando (Felipe), Paulinho, Ray (Vitor), Léo Mineiro (Jonas) e Romarinho.
 
SUL AMÉRICA ESPORTE CLUBE: Técnico: Marcelo Galvão
 
 
 
Darlan, Romarinho, Serginho Duarte (Mizael), Rondinelli, Renan, Cyro (Ramon Robert), Dassayeev, Rogério Pedra, Napão (Herisson), Magno e Derik
 
ARBITRAGEM: Reginaldo Vasconcelos Noronha, Luis Claudio Rodrigues da Costa, Hugo Agostinho Chaves da Paixão, Edelson Brito de Souza
 
PÚBLICO: Presente 484; renda R$ 1.600,00
 
 
FOTOS: Ennas Barreto
Deixe seu Comentário

Nome:

Email:

Seu email não será publicado
Mensagem:
Leia Também

© Copyright 2016 Portal Flagrante. Todos os direitos reservados.